Fatores de impacto na qualidade da angiografia pulmonar por tomografia computorizada no diagnóstico do tromboembolismo

  • Michaela Cabral Hospital da Luz Clínica do Porto
  • Davide Freitas Centro Hospitalar Universitário do Porto; Escola Superior de Saúde do Politécnico do Porto
  • António Rodrigues Centro Hospitalar Universitário do Porto
Palavras-chave: Angiografia Pulmonar por Tomografia Computorizada; Tromboembolismo Pulmonar; Artefatos; Qualidade

Resumo

Introdução: O tromboembolismo pulmonar é uma patologia relevante, nomeadamente em contexto de urgência, com aumento da incidência e seu risco inerente. A Angiografia Pulmonar por Tomografia Computorizada é o método de imagem médica de primeira linha. 

Objetivos: O objetivo principal do estudo é avaliar o impacto de alguns parâmetros inerentes ao procedimento na qualidade de imagem em contexto de urgência.

Materiais e Métodos: Foi realizado um estudo observacional transversal e retrospetivo com a recolha de 30 estudos de um Centro Hospitalar. A avaliação da qualidade de imagem foi realizada quantitativamente e qualitativamente.

Resultados: Dos 30 estudos, apenas 5 pacientes foram diagnosticados com tromboembolismo pulmonar. O artefacto provocado pela veia cava superior foi detetado em 29 exames, e o artefacto de movimento respiratório foi detetado em 12 exames. Apenas 1 estudo apresentou uma classificação de 1 na avaliação da qualidade de imagem final, refletindo uma má qualidade de diagnóstico. As unidades de Hounsfield médias no tronco pulmonar, artéria pulmonar direita e artéria pulmonar esquerda foram 397,27±121,75 unidades Hounsfiled, 377,97±115,06 unidades Hounsfiled , 376,27±113,34 unidades Hounsfield, respetivamente.

Conclusão: Verificou-se ser possível alterar alguns fatores do protocolo mantendo a qualidade de imagem final, nomeadamente o volume de contraste utilizado. O artefacto mais comum foi o artefacto provocado pela veia cava superior, sendo que não influencia significativamente a qualidade de diagnóstico. O fluxo mínimo de injeção de contraste é de 3,5ml/s, sendo que o local da entrada de contraste não teve inferência na qualidade do estudo.

Publicado
2022-07-20
Secção
Artigos Científicos